Colina – Efeitos no organismo, suplementação e metabolismo.

Última Atualização: 22/08/2021

A colina é um micronutriente essencial encontrado em alimentos como a gema do ovo, frango, carne de porco espinafre, leite e batatas. (1)

Concentrações plasmáticas baixas de colina estão relacionadas com produção reduzida de acetilcolina, e isso, teoricamente, poderia prejudicar o desempenho esportivo (contração muscular) devido a falha de comunicação entre o neurônio motor  e a junção neuromuscular. (1)

Um indicativo da deficiência de colina pode ser a elevação plasmática de  creatinofosfoquinase – CPK, marcador de lesão muscular. (1) E apesar de sua deficiência causar prejuízos no desempenho, concentrações aumentadas através da suplementação também não parecem exercer efeito ergogênico.  (1)

Referências bibliográficas:

1- Lancha Jr. AH, Rogeri PS, Pereira-Lancha LO. Suplementação Nutricional no Esporte 2a Ed. 2a. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2019. 266 p.